LetraAntes e Depois

Klepth

Última actualización realizada el: 21 de julio de 2017
No hay traducciones disponiblesNo hay traducciones disponibles
Hemos detectado algunos errores
Si has encontrado errores ayúdanos corrigiéndolos.

Quem te apurou? Como os anos passam por nós É ver o tempo deixar-nos sós

E esperamos Que justifiquem Ou que nasça pelo menos alguma razão Ao motivo pelo qual vai cedendo o corpo então Aos anos Sinto mais do que preciso Perco a voz ganho juízo E quem fui eu não sou mais Mudam gostos ganho peso Perco medos e cabelo E quem fui eu não sou mais Algo melhorou! Ficámos sábios Pelo menos aos olhos dos outros Ser responsável compete a poucos A bem poucos Não dependemos, Daqui para a frente, de ninguém Quer dizer O sexo agora implica quase sempre alguém E ainda bem! Sinto mais do que preciso Perco a voz ganho juízo E quem fui eu não sou mais Mudam gostos ganho peso Perco medos e cabelo E quem fui eu não sou mais Não choro as partes que estão para trás Não choro as partes que estão para trás Não concluo O meu tempo não é uma canção Tem quase sempre rima certa, métrica e refrão E esta acabou

No hay traducciones disponiblesNo hay traducciones disponibles
  • 0

Últimas actividades

Un lugar, para artistas.

Más información